quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

Words of Love Parte 2

Autora: Luciana
Fanfic: da série The Mentalist.
Censura: 17 anos
Categoria: Romance/Jisbon



                                         Eu preciso dizer que te amo....
                                  


                                                                  
                                        Na manhã seguinte....

                                     Federal Bureau of Investigation
                                         Austin Field Office

                               Jane observou Lisbon entrando no elevador e disse:
                                             -Bom dia, Lisbon!
                                             -Bom dia! –respondeu Lisbon olhando pra Jane dentro do elevador.
                                             -Que belo dia! –falou Jane sorrindo.
                                             -Sim. –disse Lisbon.
                                             -Mais um dia de trabalho. –comentou Jane.
                                             -Sim. – disse Lisbon séria.
                                             -E como vai Harry Hudson? –perguntou Jane.
                                             -Ótimo! –respondeu Lisbon.
                                             -Hum! –disse Patrick Jane.
                                             -E o jantar com Kim? –questionou Lisbon.
                                             -Interessante. –respondeu Jane olhando para o corpo de Lisbon.
                                             -Que bom! –disse Lisbon.
                                             -Gostosa. –falou Jane.
                                             -O quê? –disse Lisbon percebendo o olhar de Jane.
                                             -É que o jantar estava delicioso. –falou Jane.
                                             -Você está olhando pra minha bunda? –questionou Lisbon.
                                             -Que isso? –respondeu Jane.
                                             -Jane! –disse Lisbon.
                                             -Desculpe! É que você está muito sexy. –falou Jane.
                                             -Como? –disse Lisbon.
                                             -Você fica muito sensual usando essa calça jeans. –comentou Jane sorrindo.
                                             -Você bebeu? –perguntou Lisbon.
                                             -Sim, uma xícara de chá. –respondeu Jane.
                                             -Vai continuar olhando pra minha bunda? Pare! -disse Lisbon.
                                             -Desculpe! –falou Jane.
                          A porta do elevador abriu, e Lisbon foi para a sua mesa no escritório. Ela sentou na cadeira, e observou Jane sorrindo.
                                            
                                                                   12 minutos depois...


                                              -Oi Cho! –falou Patrick Jane sorrindo.
                                              -Oi! –disse Cho colocando um pouco de café na xícara.
                                              -Você está certo! –falou Jane.
                                              -O quê? –disse Cho.
                                              -Eu sou completamente apaixonado por Lisbon. –falou Jane.
                                              -Sim. –disse Cho.
                                              -Eu confesso que quase agarrei Lisbon no elevador. Que mulher! –falou Jane.
                                              -E o que pretende fazer? –perguntou Cho sério.
                                              -Eu vou usar o meu charme pra conquistar Lisbon. –respondeu Jane.
                                              -Não precisa! Lisbon é apaixonada por você. –disse Cho.
                                              -Você acha? –falou Jane.
                                              -Eu acho que o chá está prejudicando a sua visão. Lisbon é louca por você! –disse Cho.
                                              -Ela está saindo com Harry Hudson e eu...
                                              -Acorda Jane! Eu cansei de ver no CBI o jeito que ela olhava pra você. É amor! –disse Cho bebendo um pouco de café.
                                              -Eu confesso que percebia as cenas de ciúme de Lisbon.  –falou Jane.
                                              -Você é um idiota. –disse Cho.
                                              -Eu sei. –falou Jane.
                                              -Então, você vai confessar que é apaixonado por Lisbon? –questionou Cho.
                                              -Sim. –respondeu Jane.
                                              -Ótimo! –disse Cho.
                                              -Mas eu preciso resolver um pequeno problema chamado Harry Hudson. –falou Jane.
                                              -O que você vai fazer?-perguntou Cho.
                                              -Eu vou ter uma conversa sincera com Harry. –respondeu Jane sorrindo.
                                                                            
                                                                    Enquanto isso...


                                   Lisbon entrou na sala de Kim Fischer e disse:
                                              -Bom dia!
                                              -Bom dia! –respondeu Kim séria.
                                              -E como foi o jantar com Jane? –perguntou Lisbon curiosa.
                                              -Por que você não pergunta pra Jane? –falou Kim irritada.
                                              -O que aconteceu? –perguntou Lisbon.
                                              -É que você é nova no trabalho e pensa que eu vou me tornar a sua amiga. Você só conseguiu esse trabalho porque Jane pediu um emprego pra você aqui. –falou Kim.
                                              -O quê? –disse Lisbon séria.
                                              -E você só conseguiu fechar os casos no CBI porque tinha a ajuda de Jane. Você não é uma agente de alto nível. –falou Kim chateada e com inveja de Lisbon.
                                              -Você enlouqueceu ou está mostrando a sua verdadeira face? –questionou Lisbon.
                                              -Eu cansei de ficar fingindo que gosto de você. –respondeu Kim.
                                              -Qual é o seu problema? Eu nunca fiz nada contra você. –falou Lisbon.
                                 Kim Fischer ficou em silêncio e observou o agente Abbott abrindo a porta.
                                              -O que está acontecendo aqui? –disse Abbott.
                                              -Nada. –falou Lisbon saindo da sala.
                                 Abbott olhou pra Kim e comentou:
                                               -Você está muito estressada.
                                 O agente Abbott saiu da sala de Kim Fischer e foi direto falar com outros agentes sobre um caso que estavam investigando.

                                                               5 horas depois...


                                Harry Hudson estava sentado na cadeira de um famoso bar de Austin, quando viu Patrick Jane entrando no bar. Ele sentou na cadeira e disse:
                                               -Oi Harry!
                                               -Estou curioso! O que você deseja falar comigo? –disse Harry.
                                               -Eu vou ser direto. –falou Jane.
                                               -Fala. –disse Harry Hudson.
                                               -Eu sei que você está saindo com Lisbon há três semanas. Você não gosta de Lisbon de verdade. Você quer mais uma aventura amorosa na sua vida. E eu quero que você termine esse relacionamento sem graça com Lisbon. –falou Jane.
                                               -O quê? Quem você pensa que é pra mandar em mim? –disse Harry.
                                               -O homem que sabe sobre a sua vida secreta. –respondeu Jane.
                                               -Não entendi. –disse Harry sério.
                                               -Eu sei que você é casado. –falou Jane.
                                               -É mentira. –disse Harry.
                                               -Claire. –falou Jane.
                                               -Não conheço nenhuma mulher chamada Claire. –disse Harry.
                                               -Mentiroso! Claire está internada numa clínica psiquiatra em Nova York há 3 anos. Você internou a sua mulher numa clinica com o objetivo de roubar o dinheiro que ela herdou da família. Você usou o dinheiro de Claire pra ficar rico e ser um advogado de respeito no Texas. Não me olhe desse jeito! –falou Jane.
                                               -Como é que você descobriu isso? –perguntou Harry.
                                               -Eu tenho as minhas fontes. –respondeu Jane.
                                               -Eu gosto de Teresa. –disse Harry.
                                               -Mentira. Você gosta de seduzir as mulheres e nada mais. Você não tem sentimento verdadeiro por Lisbon. –falou Jane.
                                               -Você vai me entregar para o FBI? –questionou Harry.
                                               -Hum! Eu quero que você desapareça da vida de Lisbon, ou vou entregar o seu segredo para os agentes federais. –falou Jane.
                                               -Eu não quero ser preso. –disse Harry Hudson.
                                               -Então...
                                               -Eu aceito o acordo. –falou Harry.
                                               -Ótimo! Eu não vou entregar você pra polícia. –disse Patrick Jane mentindo.
                                              
                                                                     2 minutos depois...


                            Lisbon estava conversando com Cho no escritório, quando percebeu que Harry Hudson estava ligando para o seu celular.
                                              -Harry. –disse Lisbon.
                                              -Oi Teresa. –falou Harry que continuava no bar.
                                              -O que foi? –perguntou Lisbon.
                                              -Desculpe! Eu acho melhor terminar o nosso relacionamento. A verdade é que estamos saindo juntos há poucas semanas, e não quero enganar você. –falou Harry olhando pra Jane no bar.
                                              -Como assim? –questionou Lisbon.
                                              -Teresa, eu não sou o homem certo pra você. –falou Harry.
                                              -O quê? –disse Lisbon.
                                              -Você é uma mulher especial e merece um amor de verdade. –falou Harry.
                                              -Ok! Entendi. –falou Lisbon um pouco decepcionada.
                               Harry Hudson se despediu de Lisbon e colocou o celular no bolso.
                                               -Você foi ótimo! –falou Jane.
                                               -E você não vai me entregar à polícia. –disse Harry.
                                               -Claro que não! –falou Jane mentindo.
                                               -Você gosta de Teresa. –comentou Harry olhando pra Jane.
                                               -Adeus Harry! –falou Jane se levantando da cadeira.
                              Harry observou Patrick Jane saindo do bar.
                                                -Eu tenho que sair da cidade. –falou Harry sério.

                                                                   
                                                                          Noite
                                                                        
                                                                
                              Kim Fischer se aproximou de Lisbon no escritório e disse:
                                             -Desculpe pelo o que falei hoje de manhã.
                                             -Você foi sincera. –disse Lisbon séria.
                                             -Eu estou estressada e...
                                             -Eu não entendi a sua raiva contra mim. –comentou Lisbon.
                                             -Ciúme. Você é uma ótima agente. –confessou Kim sem graça.
                                             -Você é uma agente brilhante, e não precisa ficar com raiva de mim. –disse Lisbon.
                                             -Eu sei. É que..
                                             -Boa noite, meninas!  -falou Jane sorrindo.
                                             -Jane! Onde você estava? –perguntou Kim.
                                             -Trabalhando. –respondeu Jane.
                                             -Você desapareceu do escritório e só voltou agora. –falou Kim.
                                             -Eu estava resolvendo um problema. –disse Patrick Jane.
                                             -Ok! Estou indo pra casa. Boa noite! –falou Kim percebendo o olhar de Jane pra Lisbon.
                                             -Boa noite! –disse Lisbon.
                                             -Bons sonhos! –falou Jane sorrindo.
                             Patrick Jane olhou pra Lisbon e perguntou:
                                              -E Harry?
                                              -Acabou. –respondeu Lisbon pegando a bolsa.
                                              -Que bom! –falou Jane.
                                              -Por quê? –questionou Lisbon.
                                              -Ele não é o amor da sua vida. –falou Jane.
                                              -Sério? –disse Lisbon.
                                              -Sim! –falou Jane olhando nos olhos de Lisbon.
                                              -Você vai sair hoje à noite? –perguntou Lisbon percebendo que Jane estava usando uma camisa nova.
                                              -Gostou da minha roupa nova? –questionou Jane sorrindo.
                                              -Sim. É um encontro com alguma mulher? –perguntou Lisbon.
                                              -Sim! –respondeu Jane.
                                              -Quem é ela? –perguntou Lisbon com ciúme.
                                              -Você. –respondeu Jane apaixonado.
                                              -Como assim? –disse Lisbon.
                                              -Você aceita jantar comigo? –perguntou Jane.
                                              -O quê? –disse Lisbon surpresa.
                                             -Eu, Patrick Jane, estou convidando você pra jantar hoje à noite. É um encontro! –falou Jane sentindo o coração bater forte.
                                             -É uma brincadeira? –questionou Lisbon.
                                             -Não. É sério! Eu quero sair com você. Jantar e até dançar com você. –falou Jane.
                                             -Eu preciso trocar de roupa. –disse Lisbon sorrindo.
                                             -Tudo bem. –falou Jane.
                                             -Eu vou pra casa e...
                                             -Não se preocupe! Eu vou esperar no carro. –falou Jane.
                                             -O que está acontecendo? –perguntou Lisbon.
                                             -Você vai saber a resposta mais tarde. –falou Jane sorrindo.
                             Teresa Lisbon estava surpresa com a atitude de Jane. Ela sentiu o corpo tremer, e pegou a bolsa. Jane e Lisbon entraram no elevador. Olhares e sorrisos mostravam que aquela noite seria muito especial.
                                    
                                                                      Continua...
                                                         E aí? A nova Fanfic está boa?
                                                         Aguarde a continuação.
                                          

                                          
                                    
                               

                                                                                  

                                             


                                        

5 comentários:

  1. Será que jane vai se declarar pra lisbon?oh god!essa eu quero ver..
    Continua please!bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mariane..aguarde a continuação. Eu acho que a parte 3 vou escrever no sábado.

      Excluir
  2. Aiai momento Jisbon ^^ esperando ansiosa a parte 3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adriana..e a parte 3 da Fanfic está no Blog. Gostou?

      Excluir
  3. Não preciso dizer mais nada.Está perfeita.

    ResponderExcluir

COMENTÁRIOS DE ANÔNIMOS E COM OFENSAS SERÃO EXCLUÍDOS DO BLOG.
DEIXE O SEU COMENTÁRIO, MAS NÃO ESQUEÇA DE SE IDENTIFICAR COM SEU NOME. MUITO OBRIGADA!